Complexo Multidisciplinar Tarcizo Freire
Hospital Regional

Hospital Regional atinge marca inédita em atendimentos de buco maxilo facial

Em quase seis anos de serviço foram cerca de 20 mil consultas e inúmeras cirurgias

03/12/2019 10h07
Por: Cláudio Roberto
47

De janeiro a novembro de 2019, O Hospital Regional Nossa Senhora do Bom Conselho, em Arapiraca, atendeu mais de 3 mil pacientes no serviço de buco maxilo facial.  Os dados, recorde na unidade, foram divulgados nesta segunda-feira, 02.

O coordenador da Unidade de Face do Hospital Regional, o odontólogo Ricardo Wathson, que é especialista, mestre e doutor em cirurgias buco-maxilo, comentou os números e lembrou das conquistas do projeto nos últimos anos.

“Em quase seis anos de serviço foram cerca de 20 mil consultas e inúmeras cirurgias. Os procedimentos vão desde cirurgias de traumas na face, retirada de tumores, até correções faciais de pacientes com deformidades, fissurados e com necessidades especiais”, explicou.

As cirurgias de face são custeadas pelo Programa de Fortalecimento, Melhoria da Qualidade e Garantia de acesso a diversas especialidades da Rede de Assistência Hospitalar de Alagoas – o Prohosp/Especialidades, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

No inicio deste ano, o Sistema Único de Saúde (SUS) divulgou que o Hospital Regional pela segunda vez consecutiva foi a unidade que mais realizou cirurgias de face no país (562 procedimentos). Ao todo, pacientes de 92 municípios do Estado foram contemplados.

Para o provedor do HR, Magela Pirauá, os procedimentos mostram a evolução do trabalho realizado pela equipe buco maxilo. “Seja a consulta, acompanhamento ou cirurgias. São atividades que enchem os nossos olhos pela qualidade no atendimento e os resultados de destaque”, colocou.

Assessoria

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários