Sábado, 31 de Outubro de 2020 12:58
(82) 9 9820-6633
Esportes Alagoano

CSA vence o Juventude e deixa a zona de rebaixamento da Série B: 3 a 2

Azulão chegou a colocar 3 a 0 no placar e por pouco não deixou adversário chegar ao empate; Pedro Júnior (2x) e Paulo Sérgio fizeram os gols azulinos

27/09/2020 13h50 Atualizada há 1 mês
Por: Portal Noticiasdasuacidade.com Fonte: Gazetaweb.com
Jogadores comemoram com Pedro Júnior, autor de dois gols do CSA na partida contra o Juventude | FOTO: AILTON CRUZ
Jogadores comemoram com Pedro Júnior, autor de dois gols do CSA na partida contra o Juventude | FOTO: AILTON CRUZ

Na estreia de seu novo treinador, Mozart Santos, o CSA conseguiu a sua segunda vitória seguida nesta Série B e, com isso, deixou a zona do rebaixamento. Desta vez, a vítima do Azulão foi o Juventude, na tarde deste sábado (26), pelo placar de 3 a 2, pela 11ª rodada da competição, no Estádio Rei Pelé.

 

O Azulão chegou a colocar 3 a 0, mas deu bobeira, levou sufoco na segunda etapa e o Juventude quase empatou. Os gols do time azulino foram assinalados por Pedro Júnior (duas vezes), um em cada tempo, e Paulo Sérgio, na etapa inicial. O Juventude marcou com Breno (duas vezes) na etapa final.

 

Com este resultado, o Azulão agora fica na 14ª colocação, com 10 pontos. E o Juventude, que veio a Maceió empolgado pela classificação na Copa do Brasil, é o 7º colocado, com 16 pontos.

 

O próximo adversário do CSA será o Vitória-BA, fora de casa, na terça-feira (29), às 19h15, no Barradão, em Salvador. Quanto ao time gaúcho, vai encarar o Operário-PR na 12ª rodada, também na terça (29), às 19h15, no Estádio Alfredo Jaconi.

 

1º tempo

CSA teve a estreia, neste sábado (26), do técnico Mozart Santos | FOTO: AILTON CRUZ

 

O CSA começou o jogo melhor em campo. E o primeiro bom momento foi do Azulão, que teve uma boa chance aos 5 minutos: Pedro Júnior fez boa jogada, invadiu a área e cruzou rasteiro, Andrigo completou, mas o goleiro Marcelo Carné fez uma boa defesa, livrando o perigo. O time azulino seguia dominando as ações no começo da partida.

 

O Azulão passou a recuar mais, enquanto o Juventude trocava passes no campo de ataque. Mas aos 15 minutos, o time azulino tentou. Andrigo recebeu o passe de Yago e soltou o pé, de longe, e a bola passou por cima, assustando o goleiro Marcelo Carné. O time azulino era melhor, mas pecava porque perdia muitas bolas no meio de campo, o passe final não saía.

 

O Juventude tentou aos 18 minutos. Renato Cajá cobrou a falta, Luís Ricardo apareceu e cabeceou, mas a bola foi para fora, levando perigo para o goleiro Matheus Mendes. Na metade do primeiro tempo, o Juventude conseguiu equilibrar as ações. Em outro bom momento, aos 28 minutos, Breno avançou pela esquerda e ganhou escanteio. Renato Cajá cobrou, mas Luciano Castán subiu e tirou de cabeça. Nesse momento, o time gaúcho era melhor e CSA caiu muito de produção em campo.

Herói do Azulão no jogo, Pedro Júnior comemora seu gol em cima do Juventude | FOTO: AILTON CRUZ

 

Mas aos 33 minutos foi o CSA quem chegou, fazendo boa troca de passes na entrada da área do Juventude. Yago cruzou, mas o goleiro Marcelo Carné saiu para fazer a defesa. O Juventude seguia melhor, mas o CSA também cresceu e foi quem abriu o placar, aos 36 minutos. Márcio Araújo fez boa jogada pela esquerda e chutou rasteiro, a defesa do Juventude não cortou e Pedro Júnior soltou o pé, para estufar as redes: 1 a 0.

Paulo Sérgio (c) foi o autor do segundo gol do CSA e é festejado pelos companheiros de equipe | FOTO: AILTON CRUZ

 

O Azulão tentou chegar de novo aos 43 minutos. Diego Renan mandou a bola na área do Juventude, Yago desviou e Pedro Júnior acabou pegando mal na redonda e ela subiu muito. O árbitro deu mais um minuto de acréscimo e foi justamente nesse minutinho final que o CSA ampliou o marcador. Rafinha recebeu o passe de Márcio Araújo e cruzou na medida, Paulo Sérgio apareceu e acertou uma bela cabeçada para fazer o segundo gol, aos 46 minutos: 2 a 0. Foi só comemorar e o árbitro apitou o final da primeira etapa.

 

Etapa final 

CSA conquistou três pontos importantes para tirá-lo da zona da degola | FOTO: AILTON CRUZ

 

No segundo tempo, o CSA voltou a campo bem e não demorou a chegar ao terceiro gol. Foi aos 4 minutos. Paulo Sérgio recebeu a bola de Yago e fez um belo lançamento para Pedro Júnior. O atacante azulino arrancou, invadiu a área e fuzilou, na saída do goleiro Marcelo Carné, marcando um golaço no Rei Pelé: 3 a 0.

 

A partida passava dos 10 minutos e o time do Juventude trocava passes, mas não conseguia passar pela marcação do CSA. Aos 20 minutos, o Azulão teve uma boa chance. Nadson cruzou, Geovane cabeceou e o goleiro Marcelo Carné fez uma grande defesa, para alívio do Juventude, que respondeu aos 22 minutos e acabou diminuindo o placar. Breno recebeu a bola livre de marcação e tocou na saída do goleiro Matheus Mendes, fazendo o seu primeiro gol no jogo: 3 a 1.

 

Depois do gol do Juventude, o CSA não fez mais nada. As alterações promovidas pelo técnico Mozart Santos foram erradas e não surtiram assim tanto efeito, pois o Azulão só fez se fechar todo na defesa e, com isso, só dava Juventude na partida.

 

Aos 27 minutos, Breno recebeu a bola dentro da grande área do CSA e chutou para fora. Mas, aos 38 minutos, ele conseguiu e fez o seu segundo gol no jogo. Marciel mandou a bola na área do CSA e achou Breno Lopes, que pegou de primeira e mandou no canto esquerdo goleiro Matheus Mendes, diminuindo: 3 a 2.

 

A partir daí o CSA só levou sufoco, postado todinho lá atrás, enquanto o Juventude buscava o gol da igualdade. Aos 44 minutos, o Juventude quase marcou o terceiro. Marciel mandou uma bomba de fora da área e acertou o travessão, para alívio do time azulino.

 

O árbitro concedeu seis minutos de acréscimos e o segundo tempo foi até os  51 minutos, quando ele determinou o final da partida no Estádio Rei Pelé: CSA 3 a 2 sobre o Juventude.

 

CSA - Matheus Mendes; Cleberson, Luciano Castán, Diego Renan (Norberto) e Rafinha; Márcio Araújo, Yago (Leandro Souza) e Geovane; Andrigo (Allano), Paulo Sérgio (Nadson) e Pedro Júnior (Pedro Lucas). Técnico: Mozart Santos.

 

Juventude - Marcelo Carné; Luís Ricardo (Samuel Campos), Wellington, Nery Bareiro e Helder; Gabriel Bispo, Gustavo Bochecha (Marciel) e Renato Cajá (Roberto); Capixaba (Rafael Silva), Breno e Dalberto (Wagner). Técnico: Pintado.

 

Árbitro - Andrey da Silva e Silva-PA

 

Assistentes - Bárbara Roberta da Costa Loiola-PA e Luís Diego Nascimento Lopes-PA

Juventude levou sufoco ao CSA e ainda conseguiu fazer o seu segundo gol, de novo com Breno | FOTO: AILTON CRUZ
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Arapiraca - AL
Atualizado às 12h43 - Fonte: Climatempo
36°
Poucas nuvens

Mín. 22° Máx. 36°

40° Sensação
27.9 km/h Vento
43.2% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (01/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (02/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 35°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias