Complexo Multidisciplinar Tarcizo Freire
Mundial de Clubes

Flamengo já começa a pensar no Mundial de Clubes e no Liverpool

Rubro-negro vai enfrentar Al-Hilal, da Arábia Saudita, e Esperánce Tunis, da Tunísia, na semifinal; torcida já começou procura por ingressos

26/11/2019 10h06
Por: Cláudio Roberto
4

Depois de garantir os títulos da Copa Libertadores e do Campeonato Brasileiro, o foco do Flamengo passa a ser o Mundial de Clubes, em dezembro, no Qatar. A rota para fechar o ano com mais um título obriga o time carioca a monitorar rivais distantes, em especial os possíveis adversários na semifinal, em 17 de dezembro. São eles: Al-Hilal, da Arábia Saudita, e Esperánce Tunis, da Tunísia.

O Flamengo também está garantido na edição 2021 do Mundial. Daqui dois anos, na China, a Fifa vai reunir 24 clubes em um novo formato da disputa. O torneio não será mais disputado anualmente, mas a cada quatro anos. A novidade foi confirmada pela entidade nesta temporada. O time carioca será um dos seis representantes sul-americanos.

Desde a vitória sobre o River Plate, sábado, a torcida do Flamengo começou a procurar ingressos para os jogos do Mundial. Os preços variam de 25 rialis qatarianos (R$ 29) a 400 rialis qatarianos (R$ 459), de acordo com a localização no estádio e importância das partidas.

Para a estreia, por exemplo - já na semifinal, contra o vencedor do confronto entre Al-Hilal e Esperánce Tunis -, são três as faixas de preço: R$ 29, R$ 57 e R$ 115. A compra dos bilhetes só pode ser feita pelo site da Fifa.

Se o time árabe passar, o Flamengo pode reencontrar um jogador que teve importância na fase inicial da campanha do clube na Libertadores: o volante Cuellar. O colombiano trocou o rubro-negro pelo atual campeão asiático em setembro. O Al-Hilal, aliás, é um velho conhecido do técnico Jorge Jesus, que treinou a equipe antes de se transferir para o rubro-negro.

O Mundial tem início em 11 de dezembro, com a partida entre Hienghène Sport (Nova Caledônia) e Al Sadd (Catar). Quem vencer encara o Monterrey (México) na fase seguinte. Depois desse novo encontro, o ganhador enfrentará o Liverpool na semifinal.

Desde já, porém, existe a expectativa de uma final entre Flamengo e Liverpool, repetindo a decisão de 1981, quando os cariocas levaram a melhor por 3 a 0. Se isso ocorrer, o Rafinha acha bastante possível o Flamengo levar a melhor.

"Tem a semifinal antes", ponderou o jogador, em entrevista ao SporTV. "Se a gente chegar nessa final, vamos fazer de tudo para conquistar esse título. Claro, se eles também chegarem, porque temos que passar primeiro pela semifinal e eles também."

Vencedor da Liga dos Campeões 2018/2019, o Liverpool é uma das maiores equipes do mundo e deve ser o grande rival do Flamengo no Mundial de Clubes, em dezembro, no Qatar. Veja a escalação e os pontos fortes da equipe comandada pelo alemão Jürgen Klopp

r7

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários