Sexta, 25 de Setembro de 2020 20:18
(82) 9 9820-6633
Capital Liberação

No primeiro dia após liberação, academias de Maceió reabrem com adaptações

Primeiras horas de funcionamento têm mostrado receio de alunos na volta dos estabelecimentos

03/08/2020 16h58
Por: Portal Noticiasdasuacidade.com Fonte: Gazetaweb
Academias reabrem com atenção redobrada a protocolos sanitários FOTO: THIAGO GOMES
Academias reabrem com atenção redobrada a protocolos sanitários FOTO: THIAGO GOMES

Uso obrigatório de máscaras, capacidade reduzida e reforço na higienização são alguns dos cuidados que academias de Maceió vêm tomando para sua reabertura nesta segunda-feira (3), após meses sem funcionar por força de decretos. A reabertura foi permitida após determinações do Governo do Estado e da Prefeitura de Maceió. A cidade encontra-se na fase amarela do distanciamento social.

 

Uma academia situada no bairro do Farol reabriu nesta segunda-feira, com capacidade reduzida em 50% e readequações na sua rotina de funcionamento, seguindo o protocolo imposto pelo Governo quanto a determinações sanitárias. Alunos estão sendo orientados a usar máscaras de maneira obrigatória, higienizar os aparelhos antes e depois do uso, permanecer no local por, no máximo, 60 minutos, além de manter o distanciamento e evitar cumprimentos.

Outro estabelecimento situado na Ponta Verde, voltado para o público feminino, adotou o agendamento de clientes como forma de evitar aglomerações, além de intervalos entre turnos para higienização do local. Roberta Azevedo, proprietária da academia, informou que estão sendo distribuídos kits pessoais de higienização para uso nas máquinas.

O professor de Educação Física Alysson Cavalcante trabalha no local, há um ano e cinco meses, e diz que, agora, tem um trabalho a mais: fiscalizar o uso das máscaras pelos alunos e orientá-los a ter uma performance melhor, mesmo usando a proteção no rosto.

"A dica é diminuir a carga e o volume do treino, já que a máscara pode tornar o exercício mais cansativo devido à respiração. Esta é a grande preocupação dos alunos, no momento, mas estamos aqui para ajudar no que for preciso" contou o professor.

RECEIO DA VOLTA

Mesmo após a reabertura, o movimento no primeiro dia de funcionamento acontece de forma um pouco mais lenta. Espaços relativamente vazios mostram o receio dos alunos para a volta aos treinos. A recepcionista de uma academia contou que espera que o fluxo melhore ao longo do dia, já que os períodos da tarde e noite são os mais procurados pelo público jovem. Já Roberta acredita que o fluxo normal só seja retomado em 3 meses. 

Apesar dos receios, há aqueles que torciam pelo retorno das academias. O engenheiro Francisco Melo, 66 anos, é aluno da academia há mais de 4 anos e conta que estava ansioso para voltar às atividades.

 

"Tenho um problema no joelho e preciso de fisioterapia e de treinos frequentes. Geralmente, faço esteira, bicicleta e elíptico. Com a pandemia, tive que me virar em casa com a bicicleta ergométrica que comprei. Quando anunciaram que iriam voltar as academias, vibrei porque sei a vantagem de se manter o corpo e a mente saudáveis neste período. Votei hoje mesmo, usando a minha máscara e mantendo o distanciamento para evitar o vírus", destaca ele, acrescentando que se sentia seguro em voltar aos treinos no local.

A estudante de Odontologia, Thayse Lins, de 28 anos, diz que treina há 2 anos e, ao longo da quarentena, tentou se exercitar em casa com dicas passadas pela própria academia, mas confessa que foi muito difícil seguir, porque se atrapalhava.

"Não é a mesma coisa de se ter um acompanhamento com um professor e na academia. Estava ansiosa para voltar e me senti totalmente segura", diz ela, que usava máscara e levava consigo uma squeeze (garrafa) pessoal.

"Só tivemos perdas e não vendemos nada durante a quarentena, mas conseguimos manter a estrutura que temos. Como alguns estados liberaram as academias mais cedo, a gente se antecipou e já adequou o nosso espaço. Quando o Governo autorizou a reabertura em Alagoas, já estávamos preparados", disse Roberta.

Parques infantis ao ar livre também retornam

 

Em visita à orla de Maceió pela reportagem, também foi possível perceber o retorno do uso desses ambientes após a liberação por meio do decreto municipal. Crianças aproveitam a estrutura dos parques ao ar livre sob a vigilância atenta dos pais. 

A caixa Luciana Pereira levou os dois filhos pequenos para desestressar. Segundo ela, manter os meninos em casa não tem sido tarefa das mais fáceis.

"Eles estudam em escola pública e nem aula estão tendo. Fiz de tudo para entretê-los, mas tem hora que as ideias somem. Decidi trazer eles aqui hoje para brincar um pouco na praia e nestes parques, que deveriam ter em todos os bairros". Disse ela, que mora no Eustáquio Gomes, parte alta da capital.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Arapiraca - AL
Atualizado às 20h06 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 18° Máx. 34°

24° Sensação
15.1 km/h Vento
75.6% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (26/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Domingo (27/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias