Terça, 07 de Dezembro de 2021
31°

Poucas nuvens

Arapiraca - AL

Polícia Violência

Sangue é encontrado em três cômodos de casa de idosos e criança encontrados em São Sebastião

Residência foi lavada e limpa; exame cadavérico mostra que vítimas foram mortas com um instrumento perfuro-cortante provocado por uma arma branca

03/10/2021 às 10h09
Por: Portal Noticiasdasuacidade.com Fonte: Gazetaweb
Compartilhe:
Sangue é encontrado em três cômodos de casa de idosos e criança encontrados em São Sebastião

Após perícia na casa dos idosos e da criança de 2 anos, que foram encontrados mortos na última quinta-feira (30), em São Sebastião, no interior de Alagoas, a equipe do Instituto de Criminalística (IC) identificou vestígios de sangue em três cômodos do imóvel. As vítimas foram mortas com um instrumento perfuro-cortante provocado por uma arma branca, segundo exame cadavéricos, divulgado neste sábado (2).

O perito criminal Jeiely Ferreira, coordenador dos trabalhos - realizados nesta sexta (1º) -, relatou que a equipe fez a aplicação de luminol, substância usada para detectar vestígios de sangue, em vários cômodos da casa. Novas descobertas vão auxiliar no esclarecimento da dinâmica do triplo homicídio.

“Devido a essa reação, precisamos aplicar esse produto em ambientes escuros, por isso optamos aplicar a noite. A reação do luminol deu positivo em alguns cômodos da casa, a cozinha, sala de jantar e quarto, comprovando o que havia sido constatado no levantamento anterior”, explicou o perito.

A perícia realizada na residência, no dia em que os corpos foram encontrados, já havia detectado os mesmos vestígios de sangue. No entanto, a necessidade da confirmação do luminol se deu em razão da casa ter sido lavada e limpa.

Exame cadavéricos

O exame cadavérico do Instituto de Medicina Legal de Arapiraca aponta que o casal Jose Alfredo dos Santos, de 66 anos, e Antônia Maria da Conceição, de 68 anos, e a neta deles, Maria Andrielly dos Santos, de 2 anos, foram assassinados com um instrumento perfuro-cortante provocado por uma arma branca.

Os corpos foram reconhecidos por familiares das três vítimas, que moram no estado de Minas Gerais. Logo após, os cadáveres foram liberados para sepultamento.

Principal suspeito

A Polícia Civil de Alagoas (PC/AL) informou que o principal suspeito da morte do casal de idosos e da criança é o próprio pai da menor. As Polícias Militar e Civil trabalham para localizar e prender o acusado.

De acordo com as investigações preliminares, o suspeito foi identificado apenas por ‘Clovis’. Ele está desaparecido desde que os corpos foram encontrados. A polícia suspeita que, na intenção de subtrair uma quantia recebida pelos idosos e não ser apontado como responsável pelo roubo, o homem matou o casal e a própria filha, ficando com a casa e o dinheiro

Entenda o caso

Os corpos das vítimas foram encontrados, na quinta-feira (30), amontoados dentro do banheiro da residência em que eles moravam.

 

De acordo com a PC/AL, a casa estava fechada pelo lado de fora e não apresentava sinais de arrombamento. A suspeita de latrocínio é porque o casal de idosos teria sacado, recentemente, duas grandes quantias em dinheiro, oriundas de um empréstimo e de um pagamento de seis meses de salário atrasado.

As vítimas teriam sido assassinadas com golpes de arma branca e arrastadas para o banheiro da residência. Segundo a polícia, apenas outra neta das vítimas, de 30 anos, compareceu ao local do crime.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias