Complexo Multidisciplinar Tarcizo Freire
Educação

O presidente Jario Barros diz que Câmara Municipal teve importante papel na votação do acordo sobre a divisão do precatório do rateio dos recursos oriundos do Fundeb

De acordo com Jario Barros, esses 20 milhões de reais que serão rateados entre os professores, espera apenas de um posionamento do Ministério Público Federal

08/11/2019 10h48
Por: Cláudio Roberto
71

Ao tomar conhecimento da decisão da Justiça Federal, através do prefeito Rogério Teófilo, que usou as redes sociais na noite desta quinta-feira (7), sobre a decisão da Justiça, acatando o recurso da prefeitura de Arapiraca para o pagamento dos 60% dos precatórios para os professores da rede municipal de ensino de Arapiraca, o presidente da Câmara Municipal de Arapiraca, Jario Barros, ressaltou a importância do Poder Legislativo, que aprovou e o prefeito Rogério Teófilo, sancionou a lei autorizando  a prefeitura a formalizar o acordo sobre a divisão do precatório do rateio dos recursos oriundos do saldo remanescente do precatório, referente ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), antigo Fundeb.

 “Era um sonho antigo dos profissionais da Educação municipal, porém, agora se torna realidade, onde o  Projeto de Lei (PL), que autorizou a prefeitura a formalizar o acordo sobre a divisão do precatório, recebeu a votação unanime dos 17 vereadores arapiraquenses, que não mediram esforços para aprovar o projeto”, garantiu Jario Barros.

De acordo com Jario Barros, esses 20 milhões de reais que serão rateados entre os professores, espera apenas de um posionamento do Ministério Público Federal e ele próprio, tem a esperança de que esta decisão saia o quanto antes, para que os profissionais da educação possam receber o que tem direito, concluiu o Presidente do  Legislativo de Arapiraca, asssegurando que esse também é o pensamento dos demais 16 parlamentares.

Ao concluir, Jario Barros fez questão de ressaltar o empenho da Câmara Municipal de Arapiraca, nas discussões do projeto, que no outro dia, foi sancionado pelo prefeito Rogério Teófilo.

Por Assessoria

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários